10 dicas de email marketing para vender mais

O e-mail marketing é uma excelente ferramenta online, que auxilia a divulgar e vender os produtos e serviços físicos ou online, para diferentes pessoas. Quem deseja vender mais com essa estratégia incrível, precisa conhecer as 10 dicas principais.

São milhares de pessoas que utilizam essa estratégia e que buscam, as melhores formas de alcançar o sucesso. E para ajudar nesse processo, confira aqui as dicas infalíveis que separamos para você. 

Dicas infalíveis para vender mais com e-mail marketing

  1. O título precisa ser bem pensado e executado

Pode até parecer óbvio, mas é sempre bom explicar e informar. O título é o primeiro contato que o seu prospect terá com o e-mail enviado e por isso, precisa causar uma boa impressão.

E atenção nesse primeiro ponto que é um dos mais importantes. Procure evitar as palavras e termos como, “promoção”, “ a chance que você estava esperando” e outros mais conhecidos.  

Mesmo que seja realmente uma excelente promoção, busque títulos inovadores e que despertem o interesse e a curiosidade, para a pessoa abrir e ler o conteúdo presente no e-mail.  

  1. Saiba com quem está falando

É bem provável que você saiba que a taxa de abertura de e-mails, já não é mais a mesma de antigamente. Isso se deve ao fato de que existem outras várias plataformas de comunicação online, o que acabou tornando o e-mail quase inutilizável.

Mesmo que a taxa de abertura esteja baixa, ainda existe uma excelente porcentagem de abertura, próximo aos 40%.

No entanto, é preciso saber exatamente qual é o seu público, quais são as suas necessidades e desejos, não apenas para os seus e-mails serem abertos, mas principalmente para atingir o objetivo que foi inicialmente proposto.  

  1. Tenha listas personalizadas

Se você conhece bem o seu público sabe quais são as suas necessidades, desejos, anseios e principalmente, as expectativas.

Existe um conhecimento que é de grande importância, para ter sucesso com o e-mail marketing: o funil de vendas.

Dentro do inbaund marketing, é preciso saber em qual etapa do funil de vendas o seu prospect se encontra.

Ele ainda está apenas conhecendo a sua empresa, ou já conhece e está a poucos passos de conseguir realizar uma compra?

Para os diferentes momentos da jornada do consumidor, é preciso conteúdo específico e para isso, é preciso ter uma lista de e-mails que sejam segmentados.  

e mail marketing 2

  1. Saiba quais são os objetivos

E por falar em objetivo, é preciso defini-los antes de pensar nos conteúdos que deverão ser inseridos e disparados.

Os objetivos podem ser divulgação de uma marca, novos conceitos e identidade visual para conhecimento do público, criar uma relação mais próxima, produtos em promoção ou mesmo um lançamento.

Seja qual for o seu objetivo com a estratégia de e-mail marketing, ela precisa ser conhecida, bem estudada e definida.

Desse modo a equipe de marketing da empresa ou agência, conseguirá definir quais são os melhores assuntos, para colocar tanto no título como no corpo do e-mail e conquistar o seu público.

  1. Não desvirtue o seu assunto

Sabemos que a taxa de abertura é baixa, mas ainda existe e pode ser uma estratégia realmente eficaz para o seu planejamento de marketing.

No entanto, dificilmente as pessoas chegam até o final do e-mail e principalmente, quando são longos e com histórias que não fazem sentido.

Para o seu e-mail atingir resultados excelentes e conseguir conquistar o seu prospect, seja objetivo. Fale o que é preciso para a pessoa entender qual é o seu recado e por que o seu e-mail, está na caixa de entrada dela.  

  1. Seja inovador

Se no título é preciso inovação, quanto mais no corpo do e-mail.  

Assim como em outras plataformas, para o e-mail marketing também é preciso que, como comentamos acima, a mensagem seja rápida e clara, sempre de forma inovadora.

Criatividade deve ser uma palavra importante quando for criar os seus e-mails, para conseguir entregar a mensagem que deseja.

Você já pensou, dificilmente uma pessoa está esperando receber um e-mail para “comprar uma televisão com desconto” ou “conferir o último lançamento de tênis”.

É preciso ser inovador, com criatividade e os melhores gatilhos mentais, para você conseguir ter excelentes taxas de abertura, retenção e cliques no link, se esse for o seu objetivo.  

  1. O conteúdo de qualidade também é válido aqui

Não adianta nada ser sedutor e inovador em um conteúdo, que a pessoa não tem o menor interesse, não é mesmo?

Por isso, o seu conteúdo deve ser de qualidade. Utilize todos os argumentos que forem necessários, as melhores práticas da criatividade e excelentes gatilhos mentais. Tudo o que você quiser utilizar é bem-vindo, desde que você traga algo de qualidade.

O e-mail pode ter apenas uma linha, mas se for algo relevante e que irá ajudar a pessoa que abrir aquele link, já está ótimo.  

  1. Não compre base de e-mails

Um dos erros mais comuns, principalmente para as pessoas que estão começando a trabalhar com o marketing digital e principalmente com e-mail marketing, é comprar base de e-mails.

É de encher os olhos uma lista com 10.000 ou 100.000 e-mails. Mas será que dentre essas várias pessoas, elas terão interesse no seu produto?

Comprar uma base de e-mails é sem dúvida o pior erro e que muitas pessoas, ainda não tem esse conhecimento.  Mas vamos explicar para você, por que isso é errado.

Quando você compra esses endereços, você não faz ideia de quem são as pessoas com quem irá se comunicar ou mesmo, sabe quais são as necessidades dela. E aqui, está o primeiro erro, você irá falar com quem não conhece a sua empresa ou mesmo, o produto que vende.

Algumas pessoas defendem essa compra, com o argumento de que é possível conquistar e educar também essas pessoas. Isso pode até ser verdade. Mas pode ter certeza de que será muito mais difícil vender para ela, do que para um público já educado com o seu segmento de atuação, que já conhece a sua empresa e o seu produto.

Mas qual é a porcentagem dessa conquista de público? Será que realmente vale a pena, investir em uma lista com 100.000 e-mails quando com muita sorte, apenas 10 pessoas irão entrar em contato com a sua marca?

E podemos afirmar isso, não por experiência ou conhecimento apenas, mas vários estudos na área de publicidade e conhecimento do comportamento do consumidor, que comprovam essas informações.  

Além de falar com pessoas que você não tem o conhecimento sobre quais são as suas necessidades, elas podem até mesmo se irritar com o seu envio de e-mails e denunciar o seu envio ou considerar como spam, o que não será nada bom para você ou seu site.

e mail marketing 3

  1. Leve para outros ambientes

Uma vez que temos o conhecimento de que os prospects que irão receber a sua mensagem, talvez não tenham o interesse em passar muito tempo nessa página, o ideal é encaminhar para outra plataforma.

Dessa forma você pode estender o contato e ampliar o conhecimento, sobre o comportamento de compra, para conhecer mais afundo quais são as preferências do seu público.  

Seja nas redes sociais, site institucional da sua empresa, e-commerce ou até mesmo o blog, pode ter certeza de que levando a pessoa para outro ambiente em que ela realmente queira estar, o contato com a sua marca será muito melhor.

  1. Cuidado com a periodicidade

Existe uma grande preocupação, com a periodicidade em que os e-mails devem ser enviados. E é fácil de analisar qual é o ideal para a sua empresa, quando retomamos um ponto já comentado aqui: a qualidade do conteúdo.

Se a sua empresa tem muito conteúdo bacana e que os e-mails podem ser enviados até mesmo diariamente, devido a qualidade do assunto, não tenha receio de fazer isso e até mesmo, educar o seu público.

Mas se o seu segmento não possui uma grande quantidade de informações novas ou assuntos que podem ser explorados, saiba que o mais indicado é disparar conteúdos semanais ou quinzenais.

O principal é o equilíbrio, não enviar conteúdo diário quando não há necessidade, mas também, não enviar uma vez a cada dois meses, para não ser esquecido pelo seu público.

Com o conhecimento adequado e colocando essas dicas em prática, pode ter certeza de que a sua estratégia utilizando e-mail marketing para vender mais, irá conseguir atingir os resultados desejados.