Principais erros de SEO que prejudicam o ranqueamento do seu site

Se você acredita que está realizando corretamente todas as exigências de SEO, mas ainda não atingiu os resultados desejados. Saiba que podem ter pequenos ou grandes erros de SEO, atrapalhando a sua estratégia. Confira aqui quais são e como repará-los.

Realizar uma estratégia de SEO é realmente um trabalho de mestre e é para isso que os especialistas e consultores de SEO trabalham arduamente, para conseguir alcançar os melhores resultados para os seus clientes.

Dentre tantas exigências e boas práticas que são necessárias para alcançar as melhores posições, podem haver algumas falhas que atrapalham a conquista dos resultados desejados.

Mas hoje vamos mostrar quais são esses erros e ainda, você vai poder conferir como reverter para realizar uma estratégia de SEO, que traga excelentes resultados.

O que atrapalha o ranqueamento de um site

São vários os quesitos necessários para o correto cumprimento das boas práticas, que irão proporcionar um excelente ranqueamento de uma página online.

No entanto é possível que algumas práticas em seu site, estejam sendo realizadas de forma errada, o que acaba prejudicando a posição do site nos mecanismos de busca.

Por vezes, algumas práticas erradas de SEO podem ser realizadas devido a alguns mitos que são divulgados nesse segmento.

Mas agora você vai conhecer quais são os principais erros de SEO que prejudicam o ranquamento do seu site. Dessa forma você terá o conhecimento necessário para corrigir a sua estratégia e melhorar a posição nos mecanismos de busca.

  • Palavras-chave de forma não natural

Há algum tempo onde o Google não priorizava a navegação e experiência do usuário, bastava apenas que a palavra chave estivesse em uma página, que automaticamente o site iria aparecer nas primeiras posições de busca.

No entanto essa prática foi atualizada, de forma que a palavra-chave fosse incluída naturalmente no artigo, sem fosse algo forçado.

As páginas que realizam a inserção da palavra-chave principal forçadamente, com muitas repetições, podem até mesmo ser penalizadas pelo Google, o que irá dificultar ainda mais o ranqueamento do site.

  • Quantidade de links exagerada

A troca de links em um artigo pode ser identificada de forma estratégica em várias páginas seja em lojas online, sites institucionais ou mesmo, em blogs.

No entanto, quando são identificados vários links em um mesmo artigo ou ainda, links que apontam para endereços com erro 404, pode ser considerado spam.

Em alguns casos mais extremos muito mais do que dificultar o ranqueamento, pode acontecer inclusive da página ser banida da internet.

Por tanto, é interessante realizar essa estratégia levando em consideração as exigências apresentas pelo Google, incluindo principalmente links que sejam relevantes e com elevada autoridade de domínio.

  • Site desatualizado

Já falamos algumas vezes em nosso blog, sobre a importância de mais do que ter uma presença digital para a empresa ter na verdade, uma presença digital que seja de qualidade.

E isso inclui ter um site que seja atualizado periódica e corretamente, com informações adequadas para o seu cliente e público alvo.

Um site que está desatualizado dificilmente poderá conquistar, as melhores posições no mecanismo de busca.

Ou ainda em casos em que um site de determinado segmento tenha um bom posicionamento, pode ocorrer facilmente a perda dessa posição no caso de um concorrente realizar uma excelente estratégia de SEO e especialmente, ter um site que seja atualizado.

Nesse quesito vale a pena explicar que a estratégia de SEO deve ser realizada e atualizada de forma constante. Saiba que mesmo que você já tenha alcançado a primeira posição do mecanismo de busca com um determinado site, o trabalho não acaba por aí.

É preciso atualizar e verificar a página constantemente, para não acontecer de perder o ranking, para o seu concorrente.

  • Páginas sem conteúdo ou conteúdo de má qualidade

Talvez já tenha acontecido com você de entrar em uma página, buscando algum tipo de conhecimento e ao acessar o site, não identificar nenhum tipo de informação ou ainda, informação que não condiz com a sua pesquisa.

No caso de páginas que possuem apenas a palavra-chave no título ou ainda, nas fotos e sem qualquer conteúdo na página que direcionou o usuário, ao verificar que não há qualquer tipo de conteúdo ou informação, ou usuário irá rapidamente sair da página.

Essa ação de acesso e saída da página, poderá ser considerada como taxa de rejeição, sendo mais um item que prejudica de forma direta no ranqueamento do seu site.

Da mesma forma páginas que possuem conteúdo, mas que, não apresentam informações relevantes ou, um conteúdo de baixa qualidade, também entram no mesmo quesito, podendo causar a taxa de rejeição.

 Como é costume dizer no segmento de SEO o conteúdo é rei e, portanto, precisa ser produzido com qualidade e se possível, por profissionais que tenham a experiência e conhecimentos adequados para gerar conteúdo de primeira qualidade o que também, irá influenciar diretamente no posicionamento.

  • Sites não responsivos

Sites que não são responsivos, ou seja, que não se adequam corretamente aos formatos necessários tanto para desktop como também, para mobile dificilmente serão identificados nas primeiras páginas.

Nos dias de hoje cerca de 78% de todo o tráfego da internet é gerado a partir do mobile o que praticamente obriga, que profissionais que estão envolvidos com a criação, gerenciamento e otimização de sites levem em consideração que o site precisa ser responsivo.

Além de não atender aos quesitos necessários e identificados nas otimizações do Google, ainda pode gerar a taxa de rejeição prejudicando a experiência de navegação do usuário.

Saiba que cerca de 69% dos consumidores dedicam o seu tempo à navegação da internet em dispositivos móveis e, portanto, é necessário e podemos dizer imprescindível que o site seja responsivo.

Principais erros de SEO 2

  • Velocidade de carregamento

Até mesmo junto com o tópico anterior, que identifica a necessidade de um site ser responsivo é preciso verificar a velocidade de carregamento da página.

Esse é um item que também pode prejudicar a interação e experiência do usuário, de forma que quando a página demora para carregar ou mesmo carrega parcialmente, as chances de o usuário fechar o site e ir para outra página são grandes.

É preciso identificar e realizar os testes necessários do carregamento da página do seu site.

Saiba que em muitos casos, pode ocorrer do seu cliente fechar a sua página e ir para o site do concorrente.

Ou seja, além de não possuir boas métricas no mecanismo de busca, ainda existe a possibilidade de a sua empresa perder vendas, devido ao carregamento da página.

O Google prioriza as páginas que possuem excelentes taxas de carregamento e por isso, quanto melhor a taxa de carregamento, melhor também poderá ser a sua posição na página de pesquisas.

Melhore o ranqueamento do seu site

Seja por falta de informação ou por acreditar em alguns mitos do segmento, saiba que esses são os principais erros que podem prejudicar a sua estratégia de SEO e o ranquemento do seu site.

 No entanto, agora que você já sabe quais são os principais pontos, lembre-se de verificar em seu site se algum desses quesitos precisam ser atualizados em determinadas páginas.

Dessa forma você irá melhorar a experiência do usuário e além disso, o ranquemaento do seu site e página, conseguindo conquistar as melhores posições e através disso até mesmo, aumentar as vendas de sua empresa.

Caso você tenha ficado com alguma dúvida pode entrar em contato com a nossa equipe, estaremos à disposição para atender e esclarecer as suas dúvidas.